Salte para o conteúdo principal

Doenças

Miopia

Miopia

Definição

A miopia é um erro refrativo muito frequente (fala-se mesmo de uma epidemia entre as crianças) que provoca uma visão desfocada à distância. É causada por um olho demasiado comprido: em vez de convergirem para a retina, os raios luminosos que formam a imagem percepcionada pelo olho são projectados à sua frente. Por conseguinte, a imagem aparece mais espalhada e desfocada.

Image4.png
Image5.png

 

 

 

 

 

 

 

Causas

Existe uma clara componente hereditária nesta doença refractiva: ter um progenitor com miopia duplica o risco de também ter miopia, e por um fator de oito se ambos os progenitores forem míopes.

A idade jovem é também um fator que contribui para esta doença, uma vez que as crianças têm maior probabilidade de desenvolver um alongamento excessivo do olho à medida que crescem. A partir dos vinte anos, a miopia tende a estabilizar-se.

O estilo de vida também pode contribuir para a miopia. De facto, o aumento do tempo passado dentro de casa em detrimento do tempo passado ao ar livre é problemático para os olhos. Quando estamos em ambientes fechados, preferimos actividades que requerem uma visão de perto (ecrãs, tablets, computadores, leitura) e que exigem uma acomodação constante dos olhos.

Sintomas

As pessoas com miopia têm uma visão desfocada das coisas à distância, mas conseguem ver claramente ao perto. Por conseguinte, têm de se aproximar de um objeto ou de uma pessoa para o ver claramente. Certas situações podem ser sugestivas:

  • Dificuldade em reconhecer facilmente uma pessoa do outro lado da rua
  • A tendência para se sentar perto do ecrã ou do palco no cinema ou no teatro para poder ver o rosto dos actores.
  • A dificuldade que as crianças e os adolescentes têm em ler o que está escrito num quadro negro ou projetado num ecrã. É frequentemente na escola ou nos estudos que a miopia é detectada.

Um outro sinal de miopia é o olhar semicerrado para compensar e ver mais claramente os objectos distantes.

Diagnóstico

Se tem dificuldade em ver ao longe, deve fazer um teste de acuidade visual e, em seguida, um teste de refração realizado por um oftalmologista ou optometrista. Nas crianças e nos jovens adultos, é frequentemente necessário instilar gotas nos olhos para garantir medições fiáveis.

Tratamentos

A miopia pode ser corrigida através do uso de óculos ou de lentes de contacto. Ambas são ajustadas ao grau de correção de que a pessoa míope necessita. Nas crianças, a progressão da miopia pode, por vezes, ser retardada através da utilização de gotas oculares contendo Atropina altamente diluída. Certos tipos de lentes de contacto ou óculos equipados com lentes especiais podem também retardar o desenvolvimento da miopia. O tratamento com laser, efectuado em regime ambulatório, oferece resultados muito bons nos adultos. A cirurgia refractiva visa aplanar a córnea, após o que deixa de ser necessário usar óculos ou lentes de contacto.

Frequência

A miopia está a aumentar em todo o mundo, sobretudo nas crianças. Estima-se que afecte cerca de 40% da população, incluindo 5-10% das pessoas com miopia grave. Dentro de 30 anos, poderá afetar quase metade da população mundial.

Prevenção

Recomendamos que as crianças passem pelo menos uma hora ao ar livre com luz natural todos os dias para reduzir o risco de aparecimento ou agravamento da miopia. É importante aproveitar todas as oportunidades de brincar ao ar livre e de se expor à luz natural, pois ambas são consideradas protectoras para os olhos. Nas actividades ao ar livre, a visão ao longe (ou olhar para longe) é mais exigida e o olho não precisa de fazer esforços constantes para se adaptar, como acontece com a visão ao perto. Além disso, a luz natural aumenta a secreção de dopamina, uma hormona que limita o crescimento do olho. A luz artificial não tem este efeito protetor. É de salientar que o risco de desenvolver miopia nas crianças é reduzido por um fator de três se forem expostas durante duas horas por dia à luz exterior, mesmo que haja antecedentes familiares da doença.

Para as actividades em espaços interiores, é aconselhável manter uma distância de 30 cm entre os olhos e um livro, um smartphone ou um ecrã.

Por último, não deve esquecer o facto de que a miopia elevada não é isenta de consequências. Se não for tratada, pode levar a complicações oculares, como cataratas prematuras, descolamento da retina, glaucoma, estrabismo, etc.

Referências

La moitié de la population mondiale sera myope en 2050 - Planete sante

Myopie - Hôpital ophtalmique Jules-Gonin

Swiss Visio - Myopie | Swiss Medical Network

La myopie est en forte augmentation dans le monde - SWI swissinfo.ch

Summary

    Alguns destes cookies são essenciais, enquanto outros nos ajudam a melhorar a tua experiência, fornecendo-te informações sobre a forma como o sítio é utilizado.

    Definir cookies
    • Os cookies necessários activam a funcionalidade principal. O sítio Web não pode funcionar corretamente sem estes cookies e só pode ser desativado modificando as preferências do teu browser.